Negr@s

Jovem Negro é espancado pela PM na Zona Sul de SP

No último domingo (19) um jovem negro, já rendido, foi espancado por PMs que atuam pelo 37º batalhão da polícia militar e que estavam patrulhando as regiões do Capão Redondo Jardim Ângela, na zona sul da cidade de São Paulo.

quarta-feira 22 de janeiro| Edição do dia

Conforme o vídeo que circula nas redes, cerca de 5 policiais fizeram parte dessa ação, demonstrando o quanto essa instituição, herança da ditadura militar, é racista. O conteúdo desse vídeo, assim de tantos outros que publicados na internet, reforçam cada vez a necessidade de se lutar pelo fim da polícia militar.

De acordo com outras mídias de comunicação, a apuração dos fatos será feita por meio de um Inquérito Policial Militar (IPM) que já foi aberto, além dos policiais que aparecem na filmagem terem sido afastados dos serviços das ruas. Entretanto, sabe-se que tais ações são insuficientes, uma vez que a polícia militar continuará promovendo o genocídio e o encarceramento em massa da juventude negra e periférica.

Essa mesma semana outros vídeos, que exibem a ação violenta da polícia, circularam pelas redes sociais. Nesses mesmos vídeos, mais jovens negros e da periferia são agredidos. Esses registros, conjuntamente a outros dados, reiteram o racismo estrutural e o papel que a polícia militar cumpre. Frente a isso, reforçamos nossa posição de lutarmos contra o fim dessa instituição que só serve exclusivamente aos interesses dos Estado.




Tópicos relacionados

Violência racista   /    violência policial   /    Negr@s

Comentários

Comentar