×

JUDICIÁRIO | Ministros do STF julgam nesta tarde a ordem de prisão de Daniel Silveira

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Luiz Fux, decidiu incluir como 1º item da pauta de julgamentos desta 4ª feira a decisão do ministro Alexandre de Moraes que determinou a prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ). A sessão está marcada para 14h.

quarta-feira 17 de fevereiro | Edição do dia

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Moraes considerou que Silveira cometeu crime flagrante e inafiançável ao proferir ofensas contra ministros da Corte em vídeo publicado nessa 3ª feira no YouTube. A gravação, que inclui xingamentos e acusações a magistrados – alguns citados nominalmente – foi retirada do ar pela rede social.

O vídeo de Silveira vem na esteira da disputa entre o ministro do STF, Edson Fachin, e o general Villas Boas. A interferência crescente dos militares estava a serviço de assegurar a continuidade do golpe institucional e de aprofundar ainda mais os ataques à classe trabalhadora, num ritmo maior do que o PT vinha conseguindo fazer. Mas o autoritarismo judiciário fez causa comum com os militares em prol da Lava Jato de Sérgio Moro. Fachin, por exemplo, era um defensor atroz da Operação pró-imperialista encabeçada por Moro e os procuradores de Curitiba. O STF é parte do regime golpista, e a disputa nas alturas não pode nos iludir em relação ao papel de cada instituição de 2016 para cá.

Confira: Daniel Silveira e a disputa entre STF e militares: precisamos enfrentar todo o regime golpista

Veja também: Indignação hipócrita: STF e Forças Armadas atuaram com a Lava Jato em prol do golpe




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias