Sociedade

"O arroz tá muito caro, Bolsonaro", diz mulher durante passeio do presidente

O presidente Jair Bolsonaro foi cobrado neste sábado, 19, pela alta no preço do arroz. "Presidente, não esquece o arroz", disse uma mulher na Praça dos Três Poderes, onde parou para cumprimentar pessoas e tirar fotos, sem máscara, depois de ir a um evento religioso nesta manhã.

sábado 19 de setembro| Edição do dia

Foto: AgoraRN

"O arroz tá muito caro, Bolsonaro", completou a mulher, que não foi identificada. "Se os problemas do Brasil... é só o arroz, tá resolvido", respondeu o presidente fazendo sinal de "joia", sem dar mais detalhes.

O pedido da apoiadora escancara a insatisfação popular com a disparada recente do preço do arroz, um dos principais componentes do prato do brasileiro.

Após a crítica da apoiadora ao preço do arroz, Bolsonaro encerrou a passagem pela Praça dos Três Poderes.

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, já avisou que o atual patamar de preços, não deve baixar antes do natal, só deve baixar a partir de 15 de janeiro, quando entrar a safra brasileira.

Em declarações recentes sobre o assunto, Bolsonaro negou a possibilidade de interferência no mercado e de tabelamento de preços.

Com informações da AgenciaEstado.

[Leia também: -> http://esquerdadiario.com.br/Alta-nos-precos-e-reducao-dos-estoques-Governo-Bolsonaro-o-grande-culpado-pelo-Preco-do-arroz




Tópicos relacionados

Arroz   /    Governo Bolsonaro   /    Inflação   /    Sociedade   /    Política

Comentários

Comentar