Mundo Operário

PORTO ALEGRE

Municipários de Porto Alegre encerram greve após 40 dias

segunda-feira 13 de novembro| Edição do dia

Após 40 dias de enfrentamento com o prefeito Marchezan (PSDB), os servidores municipários da capital gaúcham encerram greve no final de tarde dessa terça-feira (13). Segundo o sindicato, mais de 3 mil trabalhadores estavam presentes na assembleia e a maioria dos trabalhadores votaram pelo encerramento.

A greve foi histórica e configurou a mais duradoura dos últimos tempos. A categoria, apesar de voltar ao trabalho, se mantém em estado de greve pela retirada dos projetos de lei em tramitação na câmara, pelo fim dos parcelamentos salariais e contra o desconto dos dias parados.

O fim da greve se deu após a prefeitura retirar o Projeto de Emenda à Lei Orgânica 11/2017 que visa atacar os direitos dos servidores. Por enquanto nenhuma das ameaças e demais ataques do prefeito tiveram garantia de suspensão, como as privatizações do DMAE, da Carris e até mesmo os parcelamentos.

A próxima assembleia da categoria será no dia 30 de novembro, com local e data ainda indefinidos.




Tópicos relacionados

Greve Municipários Poa   /    Servidores Públicos   /    servidor   /    Marchezan   /    Porto Alegre   /    Crise gaúcha   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar