Gênero e sexualidade

SHOW DA VIRADA

Mulher é vítima de estupro durante gravação do “Show da Virada”. Não à PEC 181!

Neste domingo, 12, uma mulher foi vítima de estupro em um banheiro químico durante as gravações do Show da Virada deste ano. Basta de mulheres vítimas de violência! Pelo direito ao aborto e não à PEC 181!

segunda-feira 13 de novembro| Edição do dia

A gravação do Show da Virada, programa anual da Rede Globo, ocorreu neste ano na Esplanada do Mineirão, na Pampulha. Lá, mais uma mulher é vítima de uma violência tremenda quando foi utilizar o banheiro químico do evento, em frente ao Espaço SenSe LGBT. Momentos antes do show da dupla sertaneja Jorge e Mateus, a mulher, que tinha 21 anos, foi empurrada para dentro do banheiro por um homem, que a estuprou e roubou o seu celular.

Ele foi preso em flagrante pela Guarda Municipal na madrugada desse domingo. Segundo a Polícia Civil, Vanderley Lemos Quaresma foi encaminhado ao sistema prisional. De acordo com a Guarda Municipal, ele tem extensa ficha criminal. Na lista estão crimes como homicídios e furtos.

Procurada, a Rede Globo ainda não se manifestou.

Um caso como esses impõe uma revolta ainda maior à tentativa de aprovação da PEC 181. Nessa PEC, estará proibido o direito ao aborto inclusive em casos de estupro ou em casos onde a gravidez gera risco à vida da mulher. Uma lei proposta por 18 homens da bancada da bíblia, contra a vida das mulheres e ao direito de decidir não ter um filho fruto de uma violência como a que ocorreu neste domingo.

É preciso um grande movimento de mulheres para barrar a PEC 181 e avançar pela legalização do aborto. Conquistar o direito ao aborto é uma tarefa urgente, pois milhares de mulheres continuam morrendo por abortos clandestinos. Precisamos levantar com toda força a um programa que garanta educação sexual nas escolas para decidir; contraceptivos para não engravidar e aborto legal, seguro e gratuito para não morrer!

Veja: Precisamos lutar pelo direito ao aborto! PEC 181 não!




Tópicos relacionados

Estupro   /    Direito ao aborto   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar