BRASIL

Atos antifascistas e antirracistas botam bolsonaristas para correr em capitais do país

Em diferentes regiões do país acontecem atos antifascistas contra bolsonarismo. Torcidas organizadas e movimento negro também lutam contra o racismo de Bolsonaro e Trump, por Justiça a George Floyd e João Pedro.

domingo 31 de maio| Edição do dia

Os atos antifascistas já vinham ocorrendo há algumas semanas como forma de colocar limites ao bolsonarismo. Mas neste domingo, inspirados pela rebelião negra e popular em Minneapolis que agora toma todo os Estados Unidos, ganham uma nova dimensão. Acontecem em diferentes capitais do país, colocando inclusive bolsonaristas para correr.

São Paulo

Em São Paulo o ato se concentrou desde o meio dia na Av. Paulista. Logo no começo a Polícia Militar de João Doria tentou impedir que o ato marchasse, mas os manifestantes mesmo assim começaram a marchar pela av. Paulista e neste momento se enfrentam com a repressão da polícia racista do PSDB. Confira na live abaixo com o professor Sérgio Araújo, militante do grupo de Negras e Negros Quilombo Vermelho, e com Lara Zaramela, militante da Juventude Faísca e diretora do Centro Acadêmico de Letras da USP:

Porto Alegre

Os primeiros antifascistas aconteceram em Porto Alegre, onde o bolsonarismo vem se organizando sistematicamente. Hoje aconteceu mais um ato antifascista e que fez recuar uma passeata bolsonarista no centro da capital gaúcha.

Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro acontece agora o ato “Vidas Negras Importam”, que protesta contra Bolsonaro, a violência da polícia de Witzel e por justiça a João Pedro. Chama atenção o enorme aparato repressivo que tenta coagir o ato nesse momento em frente ao palácio do governo. Confira a live:

Belo Horizonte

Em Minas Gerais também aconteceu um ato antifascista chamado por torcidas organizadas. Resistência Alvinegra, Resistência Americana Antifascista, Resistência Azul Popular e Flamengo Antifa percorreram o centro da capital mineira denunciando o envolvimento da família Bolsonaro com milícias. A Polícia Militar de Zema apreendeu faixas dos manifestantes e tentou impedir que as torcidas marchassem, tentando garantir que a passeata pró-Bolsonaro desfilasse tranquilamente pelas ruas com suas reivindicações pelo fechamento do STF e Congresso.

Curitiba

Em Curitiba houve carreata bolsonarista, mas que encontrou um bloqueio feito por torcidas organizadas antifascistas que impediu que a carreata se dirigisse para seu encerramento no centro cívido.

Durante todo o domingo o Esquerda Diário seguirá cobrindo os atos antifascistas no Brasil e as rebeliões negras e populares que começam a se espalhar em diferentes partes do mundo. Continue acompanhando nas nossas redes sociais.




Tópicos relacionados

Black Lives Matter   /    Grande São Paulo   /    Fora Bolsonaro, Mourão e os militares   /    Governo Bolsonaro   /    negras e negros   /    PM São Paulo   /    Jair Bolsonaro   /    Donald Trump   /    Porto Alegre   /    Belo Horizonte   /    Rio de Janeiro

Comentários

Comentar