www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Sábado 15 de Mayo de 2021
14:26 hs.

Twitter Faceboock
PETROBRAS ACOBERTA CASO
Petroleiro se suicidou em refinaria e Petrobras esconde documentos, denuncia Sindicato
Redação

Em setembro do ano passado dentro da Refinaria Landulpho Alves (RLAM) na Bahia, um petroleiro cometeu suicídio, até hoje as investigações da causa da morte estão em aberto.

Ver online

Imagem: FUP

Em setembro do ano passado dentro da Refinaria Landulpho Alves (RLAM) na Bahia, um petroleiro cometeu suicídio, até hoje as investigações da causa da morte estão em aberto. O sindicato denuncia que a gestão Petrobrás se recusa a fornecer o computador de trabalho dele meio que mantinha o trabalhador ligado à refinaria 24h, segundo o próprio sindicato a empresa quer esconder provas do assédio que resultou na morte desse trabalhador.

O que chama atenção nesse caso absurdo e fatídico é que justamente na refinaria que sofre um processo de privatização brutal não tenha restado muitas opções para o petroleiro baiano. O assédio e a falta de opção colocam o trabalhador numa verdadeira sinuca de bico, sem muitas opções para ele e para sua família.

Há assédio com os planos de demissão voluntária, ele pode “escolher” ser vendido junto com a refinaria e ter somente alguns meses de garantia de emprego, além da pressão para se mudar do estado. Isso para não falar dos terceirizados que estarão junto a suas famílias no olho da rua, sem direito a nada.

Segundo nota do próprio sindicato, as investigações não avançam pelo fato de não ter acesso aos pertences do petroleiro, nem sequer a cópia da ata da CIPA que discutiu a morte naquela ocasião, a RLAM forneceu aos investigadores e ao sindicato.

Fato é que o adoecimento mental e situações como essa não podem ser vistas como casos isolados, nem como fatalidades de trabalho. Um petroleiro se suicidar na refinaria onde trabalha diariamente é um indicativo claro de que as coisa não andam tão bem, sobretudo, em seu trabalho. As privatizações e a exposição ao vírus que petroleiros próprios e terceirizados estão expostos são fatores que prejudicam e muito a saúde mental de muitos trabalhadores.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui