www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 22 de Septiembre de 2019
03:31 hs.

Twitter Faceboock
METRÔ DE SP
Metrô-SP pune ativistas buscando coagir metroviários em meio às mobilizações
Redação

Metrô de SP pune ativistas para tentar calar a voz dos metroviários em meio às mobilizações contra os cortes da educação, os ataques à saúde e segurança dos trabalhadores e a tramitação da nefasta reforma da Previdência.

Ver online

Nessas últimas semanas, o Metrô de SP vem avançando na sua escalada repressiva. Aplicou punições aos metroviários que utilizaram adesivo, no último dia 15, em apoio à mobilização de estudantes e professores contra os cortes na educação anunciado por Bolsonaro e Weintraub. Demitiu Valtinho, funcionário da manutenção há mais de 30 anos, alegando “baixa produtividade”. Segue perseguindo diretores sindicais e, agora, puniu toda a bancada eleita da CIPA linha verde por denunciarem os assédios praticados pelas chefias.

Isso se dá dentro de um contexto em que, por um lado, o governo Bolsonaro vem avançando nos ataques à educação, às Normas Regulamentadoras sobre saúde e segurança do trabalhador e com a reforma da Previdência. E, em nível estadual, o governador de São Paulo, João Doria, apoiador “incondicional” da reforma da Previdência, vem cumprindo sua prometida agenda de privatizar tudo. Como ele mesmo diz “menos estado, menos governo e mais privado”, anunciou recentemente a abertura de um escritório na China para acelerar a “desestatização” do Estado com a venda de aeroportos, rodovias, estradas férreas estaduais, incluindo 79Km do Metrô.

Por outro lado, as manifestações de estudantes e professores contra os cortes de Bolsonaro, no último 15M, tiveram um grande impacto, nacional e internacional, entrando como um novo elemento na situação do país. Uma nova mobilização contra os cortes está marcada para o dia 30 de maio e está também sendo chamado pelas centrais sindicais um dia de paralisação nacional em 14 de junho contra a reforma da Previdência.

As punições aos ativistas pelo Metrô de SP vêm claramente como uma tentativa de impedir que os metroviários possam entrar também em cena e que a pauta da educação se ligue com o rechaço à reforma da Previdência. Temem essa aliança pois sabem o papel que podem cumprir os metroviários, como quando utilizaram os famosos coletes vermelhos contra a reforma da previdência. Conquistaram um enorme apoio da população, sendo um dos assuntos mais comentados no Twitter de SP com a #EuApoioOsColetesDosMetroviarios.

Por isso, nós do MRT, junto aos companheiros do Movimento Nossa Classe, defendemos na última assembleia da campanha salarial que os metroviários seguissem mobilizados, para impedir qualquer tipo de retaliação por parte do Metrô ou que recorressem da decisão do TRT. Mas principalmente para que pudéssemos nos unificar com a mobilização da educação, que ocorreria dia 15, podendo ser um passo decisivo para avançar também contra a reforma da Previdência. E por isso viemos defendendo também nos locais de trabalho e estudo e pela via do Esquerda Diário que as centrais sindicais deveriam ter antecipado a greve geral, unificando a batalha contra a reforma da Previdência com a mobilização da juventude contra os cortes da educação no dia 30 de maio. Mas as centrais sindicais seguem com sua estratégia de isolamento das lutas e, até agora, não moveram um dedo se quer para unificar no dia 30 a juventude com os trabalhadores.

Exigimos a retirada imediata das punições a todos os metroviários e a readmissão do companheiro Valtinho. Basta de perseguição e assédio das chefias nos locais de trabalho. Chamamos a categoria para a assembleia nesse dia 27, às 18:30, para reivindicar que o sindicato convoque setoriais na base para organizar a categoria contra as punições e os ataques de Bolsonaro e Doria. É necessário que as centrais sindicais CUT e CTB convoquem assembleias de base para que os trabalhadores tomem a greve geral em suas mãos, fazendo com que sejam os capitalistas que paguem pela crise.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui