HU DA USP

[VÍDEO] Giannazi promove debate sobre "o HU da USP na pandemia"

LIVE EM DEFESA DO HU DA USP E PELA REABERTURA DE HOSPITAIS! O deputado Carlos Giannazi e o vereador Celso Giannazi, conversam com Bárbara Della Torre, trabalhadora do Hospital Universitário da USP e representante dos Funcionários no Conselho Universitário, Rosane Meira Vieira, diretora do Sintusp (Sindicato dos Trabalhadores da USP) e Lester Amaral, pesquisador do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo e integrante do Coletivo Butantã na Luta.

sexta-feira 29 de maio| Edição do dia

Veja o debate abaixo:

Acompanhe no Esquerda Diário a luta dos trabalhadores do Hospital Universitário da USP em meio a epidemia:

- Luta das trabalhadoras do HU rompe o cerco da mídia: As trabalhadoras da saúde do HU (Hospital Universitário da USP), já pela segunda vez se mobilizam por melhores condições de trabalho. Em meio a pandemia do coronavírus esse setor que é linha de frente no tratamento da doença, se vê sem condições mínimas de trabalho, colocando suas vidas em risco.

- No HU da USP trabalhadores realizam ato homenagem ao dia internacional da enfermagem: Hoje no dia internacional dos enfermeiros e das enfermeiras os trabalhadores do Hospital Universitário da USP organizaram nova ação se somando a campanha nacional em homenagem aos profissionais que estão na linha de frente ao combate do coronavírus.

- Trabalhadores do HU-USP realizam ato para denunciar a falta de EPIs, testes e por contratações: Trabalhadores do Hospital Universitário da USP organizaram já pela segunda vez um ato para denunciar as péssimas condições de trabalho a que estão expostos em meio a pandemia. Como parte das iniciativas tiradas por um comitê interno dos trabalhadores do hospital também foi promovido um twittaço com a #HUdaUSPemLuta chegando a 13º entre os assuntos mais comentados.

- Sintusp aprova criação de comitê de trabalhadores do hospital da USP para combater a pandemia: Em reunião do Conselho Diretor de Base do Sintusp (Sindicato dos Trabalhadores da USP), no dia 04 de maio, foi referendada a posição dos trabalhadores do Hospital Universitário (HU) para a criação de um comitê interno, formado por trabalhadores eleitos dos diversos setores do hospital, para lidar com a crise do coronavírus e a situação calamitosa de trabalho dos mais de 2 mil funcionários, trabalhadores terceirizados e residentes. Também foi votada uma paralisação parcial de 4 horas no dia 6 de maio, com ato em frente ao hospital para denunciar a situação.

Veja outras notícias em: http://www.esquerdadiario.com.br/Hospital-Univeristario-da-USP




Tópicos relacionados

Coronavírus   /    Saúde Pública   /    Hospital Univeristário da USP

Comentários

Comentar