×

Via Zoom | Polo Socialista e Revolucionário fará plenária no Rio Grande do Sul nesse 23/11

O Polo Socialista e Revolucionário fará seu lançamento no Rio Grande do Sul nesse 23 de novembro, terça-feira, via zoom.

segunda-feira 22 de novembro | Edição do dia

O Polo Socialista e Revolucionário é uma iniciativa nacional para juntar ativistas, trabalhadores e organizações de esquerda, socialistas e revolucionários. Além de nós, do MRT, participam da iniciativa também o PSTU, o MLS e diversas pessoas espalhadas pelo país. O Manifesto de fundação pode ser lido neste link. Nós, do MRT, redigimos uma contribuição para este manifesto, que pode ser lida aqui.

O lançamento ocorrerá às 19h e será via zoom. Para ter acesso ao link, entre em contato conosco, pelas redes sociais, ou diretamente pelo whatsapp do número (51) 982876203.

A plenária terá falas de abertura, debatendo sobre o sentido de existência do polo e sua construção e depois será aberta para todos poderem opinar. Trata-se de um espaço que pode servir para avançarmos em quais saídas devemos tomar a fim de combater os ataques e a crise econômica.

Diante da drástica situação em que se encontra o país e os trabalhadores, se torna necessária a união dos socialistas e revolucionários para debater as saídas da nossa classe. O governo Bolsonaro está arrasando com a maioria da população com as reformas neoliberais e privatizações. Tudo sobe: os preços dos alimentos, dos combustíveis, do desemprego, da violência policial… só não sobe o nosso salário.

Ao mesmo tempo, boa parte das organizações de esquerda estão subordinando sua política ao PT e Lula, aceitando a paralisia das centrais sindicais diante dessa dramática situação. É preciso buscar uma saída da classe trabalhadora que faça os capitalistas pagarem pela crise, não se unir a eles como o petismo propõe. Precisamos nos unir para atuar com força na luta de classes, buscando unificar os processos de luta em curso.

Essa intervenção na luta de classes deve se expressar também no terreno político, apresentando uma alternativa socialista e revolucionária. O exemplo da Frente de Esquerda e dos Trabalhadores Unidade na Argentina (FIT-U, pela sigla em espanhol) acreditamos se tratar de uma experiência concreta de um programa neste sentido, oposto às distintas iniciativas neo-reformistas mundo afora.

Em linhas gerais, é com esse intuito que participamos dessa plenária e do polo. Convocamos os trabalhadores, a juventude, as mulheres, negros e LGBTs a se somarem nessa iniciativa conosco.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias