×

Petrobrás | Petrobras sob Bolsonaro: novo roubo aos trabalhadores brasileiros, novo ataque aos petroleiros!

A Petrobras anunciou um novo reajuste nos combustíveis, com a gasolina subindo 5,18%, enquanto o diesel teve alta de 14,26% nos preços. Um verdadeiro roubo dos aumentos dos preços dos combustíveis para garantir os lucros dos acionistas e para garantir a privatização das refinarias. Por uma Petrobrás 100% estatal controlada pelos trabalhadores petroleiros!

terça-feira 21 de junho | Edição do dia

Enquanto isso Bolsonaro faz toda uma demagogia trocando o presidente da Petrobrás, mas na verdade sempre teve apoio da maioria do conselho de administração, que é quem pode acabar com a política de paridade com o dólar (paridade internacional), que faz ter esse roubo e que abre caminho para a privatização. Isso não muda por decisão do Bolsonaro, pois isso iria colocar em xeque a privatização e os lucros dos acionistas estrangeiros.

Veja mais: Petrobrás aumenta o preço dos combustíveis, descarregando crise nas costas dos trabalhadores

Tudo isso acontece ao mesmo tempo que a empresa quer massacrar os petroleiros retirando seus direitos. Enquanto todo dia aumenta a incidência de acidentes que acomete em primeiro lugar os terceirizados, na negociação de acordo coletivo dos petroleiros próprios (efetivos), é proposto um aumento de 5% inferior à inflação e a retirada de vários direitos, como horas extras e o aumento da contribuição dos trabalhadores no plano de saúde, que está sendo precarizado e privatizado.

É crucial nesse momento a unidade dos petroleiros, organizando a luta pela base a partir de assembleias democráticas, que planejem um plano de luta, e que unifique as duas federações da categoria, a FUP e a FNP, pra se enfrentar com esses ataques, contra as privatizações, pois não vai ser com a conciliação com privatistas como Alckmin que vamos barrar esses ataques e reverter ataques anteriores. É necessária também a unidade dos petroleiros com o conjunto dos trabalhadores, que sofrem esse roubo do preço dos combustíveis, para garantir o lucro dos acionistas.

Devemos lutar por uma Petrobras 100% estatal, sob o controle dos trabalhadores petroleiros e do conjunto da população, sendo a única forma de garantir a segurança nas operações e combustíveis baratos para os brasileiros, e para que as imensas riquezas do petróleo sirvam às necessidades de saúde, trabalho e moradia do povo brasileiro.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias