Mundo Operário

19 DE ABRIL DE LUTA

Neste 19 de abril, apoie a luta nacional dos residentes da linha de frente

Residentes em saúde, que atuam na linha de frente do combate à pandemia, estão organizando um Dia Nacional de Mobilização nesta segunda, 19 de abril, por vacina e melhores condições de trabalho. Apoie as mobiliações que ocorrerão em diversas cidades e participe pelas redes do tuitaço as 9h.

domingo 18 de abril| Edição do dia

Imagem de convocação da mobilização no Rio de Janeiro/Divulgação Instagram

Em diferentes locais do país residentes que atuam na linha de frente dos serviços de saúde se organizam para um Dia Nacional de Luta no próximo dia 19/04 (segunda feira). As principais demandas são o pagamento das bolsas e da bonificação por atuação no enfrentamento ao COVID-19 , vacinação de todos os profissionais e insumos para proteção individual(EPI’s).

Há relatos de que os atrasos e a falta de pagamento já se transformam em falta de dinheiro para passagem e alimentação desses trabalhadores. Uma situação que se soma a falta de vacinação inclusive de profissionais inseridos no atendimento direto de pacientes com COVID-19 colocando suas vidas em riscos de forma desnecessária. Não há garantia de redução de carga horaria ou reorganização das escalas para menor exposição desses profissionais que ainda não foram vacinados.

Saiba mais: Residentes pelo país chamam dia de luta contra atraso de bolsas e por condições de trabalho

No Rio, a manifestação denunciando os atrasos de pagamento da bolsa-salário, a falta de EPIs e a dificuldade na vacinação de residentes acontece no dia 19 de abril de 2021 às 15h, saindo do Ministério da Saúde (Rua México, 128) em direção a Cinelândia.

Assista ao vídeo feito pelo coletivo dos residentes do Rio de Janeiro chamando à mobilização e explicando as principais demandas:

Entenda um pouco mais sobre o trabalho dos residentes em saúde e apoie a mobilização desses trabalhadores e estudantes por seus direitos básicos, assim como as incipientes mobilizações de outras categorias da linha de frente que vem sinalizando disposição para enfrentar a crise com luta.

Participe do tuitaço as 9h:

#ResidentesSemSalário
#ProfissionaldeSaúdeNãoVoluntário
#ResidenteTambéméTrabalhador
#NenhumDireitoaMenos
#VacinaJá
#ChegaDeAtrasos
#ValorizaOResidente
#ReajusteJá

Saiba mais: 19A: residentes da linha de frente na luta por direitos e vacina, é preciso unidade para vencer




Tópicos relacionados

Residentes   /    Colapso da saúde   /    Vacina contra a covid-19   /    Vacina   /    Vacinação   /    Atraso de salários   /    Desfinanciamento da saúde pública   /    Crise na Saúde   /    Privatização da Saúde   /    Greve na saúde do Rio   /    Saúde Pública   /    Ministério da Saúde   /    #UERJResiste   /    UERJ   /    Saúde   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar