Sociedade

SAÚDE

Movimentos sociais vão às ruas em defesa do SUS e contra a PEC 55

Ato em Defesa da Saúde Pública e Contra a PEC 55

terça-feira 6 de dezembro de 2016| Edição do dia

Ato em São Paulo será realizado na quinta-feira, dia 8/12, em frente à Secretaria Estadual da Saúde

Dias antes da votação em segundo turno no Senado da PEC 55, que se aprovada vai congelar os gastos sociais pelos próximos 20 anos, movimentos organizados no Fórum Popular de Saúde do Estado de São Paulo vão realizar uma manifestação em Defesa do SUS. O ato será na próxima quinta-feira, dia 08 de dezembro, a partir das 17 horas. A concentração acontece em frente à Secretaria Estadual da Saúde, na Rua Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 188, na capital paulista.

O Fórum Popular de Saúde do Estado de São Paulo é formado por trabalhadores e usuários do Sistema Único de Saúde, que veem na PEC 55 uma ameaça ao SUS, que já carente de investimentos, reponde pela saúde de pelo menos 150 milhões de pessoas.

Com a crise econômica, mais de 1,5 milhão de brasileiros saíram dos planos de saúde nos últimos doze meses, segundo a Federação Nacional de Saúde Suplementar, que representa os convênios. Esses pacientes passaram a depender unicamente da saúde pública. Ao mesmo tempo, o Ministério da Saúde sinaliza a criação de planos mais acessíveis como forma de diminuir a demanda pelo SUS.

Há uma clara intenção de reduzir o SUS a um pacote minguado de serviços de baixa qualidade, delegando ao setor privado o papel de suprir com o cuidado à saúde. Os convênios mantêm seus lucros e o governo não prevê mudanças no pagamento de juros da dívida externa ou nas isenções fiscais a grandes empresas, e taxação progressiva de grandes fortunas. Contra a precarização do SUS, o Fórum Popular de Saúde vai às ruas na próxima quinta-feira.

Ato em Defesa da Saúde Pública
Dia 08/12 (quinta-feira), às 17h
Em frente à Secretaria Estadual da Saúde
Av. Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 188 – Cerqueira César

Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/802423653193537/




Tópicos relacionados

PEC 241/55   /    Sociedade   /    Saúde

Comentários

Comentar