×

Pandora Papers | Guedes viaja para os EUA e foge de depoimento na Câmara sobre sua fortuna em paraíso fiscal

segunda-feira 11 de outubro | Edição do dia

Nesta segunda (11), o ministro da Economia Paulo Guedes viajou para os Estados Unidos onde passará a semana inteira. Ele afirma que o motivo da viagem foi para participar da Reunião Anual do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial, além de encontros de ministros da Fazenda e presidentes de Bancos Centrais do G20. Segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Economia, Guedes retornará somente na sexta (15).

Assim o ministro não irá comparecer ao plenário da Câmara dos Deputados nesta quarta (13) onde foi convocado para prestar esclarecimentos sobre sua conta de offshore em um paraíso fiscal. O requerimento havia sido aprovado pela maioria da Câmara, inclusive pelos partidos da base do governo Bolsonaro.

As offshores são um recurso utilizado pelos super ricos para fugir do pagamento de impostos, por meio da criação de empresas de fachada sediadas em paraísos fiscais com o intuito de ocultar seu patrimônio e lavar dinheiro adquirido de forma ilícita. A offshore de Paulo Guedes, revelada pela Pandora Papers, rendeu ao Ministro da Economia um total de R$ 14 milhões de reais, fruto da desvalorização do real implementada por ele. Em 2014, Guedes criou uma offshore chamada Dreadnoughts International nas Ilhas Virgens Britânicas, um conhecido paraíso fiscal do Caribe.

Confira aqui o ED Comenta sobre o Pandora Papers

O uso desse recurso expõe um flagrante conflito de interesse por parte do ministro. Enquanto Guedes criticou que o dólar barato permitiu até que empregadas domésticas fossem para Disney, vemos agora quem se beneficiou da disparada do dólar, através dessas contas mantidas fora do país. Quando Guedes assumiu o Ministério da Economia, em janeiro de 2019, os US$ 9,55 milhões depositados nas Ilhas Virgens Britânicas valiam quase R$ 37 milhões. Hoje equivalem a R$ 51,5 milhões, uma diferença de R$ 14,5 milhões, ou de R$ 9 milhões, se descontada a inflação pelo IPCA no período.

Veja também: STF arquiva pedidos para investigar Guedes e Campos Neto no escândalo do paraíso fiscal




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias