×

Violência contra mulheres negras | Feminicídio de mulheres negras aumentou na última década

O Atlas de Violência 2021 demonstrou que o número de feminicídio de mulheres negras aumentou na última década, contrariando os dados gerais.

quinta-feira 9 de setembro | Edição do dia

Foto: Mulheres fazem ato na rodoviária do Plano Piloto para denunciar o feminicídio no Distrito Federal (Wilson Dias/Agência Brasil)

Entre 2009 e 2019 foram 50.056 mulheres assassinadas pelos seus “companheiros” no Brasil, um número horrível que demonstra que na década da crise econômica as mulheres não só tiveram que viver a precarização e a miséria capitalista, como também morrer diariamente vítima da extrema opressão patriarcal.

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública e o instituto de Pesquisa Econômicas Aplicadas publicou o Atlas de Violência 2021, que reuniu os dados da década e demonstra que os feminicídio cometidos contra mulheres brancas, amarelas e indígenas diminuíram 26,6% no período, caindo de 1.636 casos para 1.196.

Mas em relação às mulheres negras vítimas, o crime cresceu 2%, passando para 2.468 vítimas de 2.419 em 2009. Os números mostram também que a cada 10 mulheres assassinadas, 6 são negras.

Veja a declaração do grupo de mulheres Pão e Rosas sobre a luta indígena: Mulheres indígenas mostram o caminho para derrotar Bolsonaro e todos os ataques




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias