Política

NOVA SEÇÃO

Esquerda Diário lança TRIBUNA ABERTA, seção onde publica posições da esquerda

Nova Seção do Esquerda Diário lançada hoje, onde publicamos posições das correntes que se reivindicam oposição ao governo do PT pela esquerda

quinta-feira 31 de março de 2016| Edição do dia

Em meio a uma situação nacional marcada por intensos debates na esquerda, o Esquerda Diário resolveu abrir uma nova fase, onde além de cobrir diariamente a realidade nacional e internacional e expressar as posições do MRT, vamos abrir o portal para outras posições das esquerda que se declara oposição de esquerda ao governo do PT.

Após um ano de existência, onde conquistamos um importante auditório para as idéias de esquerda no país, tornando-nos um dos sites mais acessados com 2 milhões de acessos e neste mês de março um recorde de mais de 250 mil, assumiremos esse novo desafio para fortalecer a difusão das posições da esquerda pelo país. O faremos sempre na seção "TRIBUNA ABERTA", para deixar claro que não necessariamente expressam a posição do MRT, organização que impulsiona o Esquerda Diário.

Lançamos essa nova seção hoje, informando sobre o importante debate impulsionado pela Nova Organização Socialista, onde um expressivo setor da esquerda carioca, incluindo o MRT que participou do debate, se posicionou contra o golpismo institucional e os ataques do governo do PT, posições que consideramos de princípio fundamentais para a esquerda no país.

Com distintos artigos, viemos polemizando com as posições de Luciana Genro e sua corrente, o Movimento de Esquerda Socialista, assim como com o PSTU, pois se negam a travar uma batalha contra o impeachment e apoiam outra tipo de golpe institucional que são as eleições gerais, política encabeçada hoje por Marina Silva e acompanhada por outros da direita do país.

No entanto, essa posição de Luciana Genro não é a da maioria do PSOL, a corrente Unidade Socialista e seus parlamentares se posicionam contra todas as saídas de golpismo institucional.

O debate no PSOL se agudizou nesta semana com uma entrevista com Luciana Genro na Folha de São Paulo. Partindo de rechaçar os ataques que Luciana recebeu do blogueiro Breno Altman, damos difusão no Esquerda Diário ao posicionamento da maioria do PSOL.

São públicas nossas diferenças com a maioria do PSOL, como nossas críticas por comporem uma frente permanente com a burocracia sindical, a Frente Povo Sem Medo, a defesa que fazem do "Estado democrático de direito" (apesar de correta a luta contra os ataques aos direitos conquistados na constituição), sua concepção parlamentar de atuação distanciada da luta de classes, além de diversas outras diferenças, mas nos parece correta a posição da maioria do PSOL no que diz respeito ao principal neste momento no país, a necessidade de combater o golpismo institucional em todas as suas variantes, sem deixar de combater os ataques do governo do PT.

Por isso, no dia de hoje, inaugurando a seção, também publicamos a nota da Executiva Nacional do PSOL e bancada na Câmara dos Deputados, bem como a posição do dirigente Juliano Medeirosem debate com Luciana Genro.

Para solicitar publicação na TRIBUNA ABERTA do Esquerda Diário, escreva para esquerdadiario@gmail.com.




Tópicos relacionados

Política

Comentários

Comentar