Política

CORONAVÍRUS | BOLSONARISMO

Deputada com máscara escrito "e daí?", reafirma o sadismo do bolsonarismo

quinta-feira 21 de maio| Edição do dia

Com uma máscara com “e daí” a deputada Bia Kicis (PSL-DF), remarcou mais uma vez o caráter do sadismo que Bolsonaro propaga e que seus seguidores seguem a risca. O desrespeito com as famílias que perdem seus parentes diariamente por uma doença que o sistema capitalista faz questão de não dar resposta concretas.

Os funcionários dos hospitais, desde os trabalhadores da limpeza aos médicos, que arriscam suas vidas todos os dias para o combate a pandemia não possuem condições de trabalhos de qualidade, seja na falta de EPI’s ou nas cargas horários desgastantes. Com o Brasil recentemente ultrapassou o número dos EUA e Itália em profissionais de saúde mortos, já são 98 profissionais de enfermagem mortos, 67% são mulheres. Se o gênero une, a classe separa as mulheres trabalhadoras que são linha de frente contra o covid-19, de uma deputada reacionária como Kicis ou ministra relâmpago Regina Duarte.

“E daí? Lamento. Quer que que eu faça o que? Eu sou Messias, mas não faço milagre”, disse Bolsonaro. Seu projeto neoliberal, que cada vez vem se apoiando mais nos militares para governar e ganhado espaço de setores no congresso, não representa nenhum lamento, ao contrário representa um avanço cada vez maior no autoritarismo e no descaso com a população. Por exemplo Paulo Guedes, que pronunciou que depois das três parcelas diminuirá para 200 o auxílio emergencial, que diga-se de passagem era o valor da proposta inicial para o auxílio, e que já possui uma grande “dificuldade” no pagamento do auxílio míseros 600.

É necessário que contra esses absurdos fascistisantes, e políticas assassinas seja de Bolsonaros e seus seguidores, seja dos governadores como Dória e Wiltzel que faze uma oposição ao presidente mas que ataca a classe trabalhadora tão profundamente quanto, tenhamos um luta com de independência de classe. Que lutemos para um fora Bolsonaro e Mourão, mas que mudemos as regras do jogo e não só os jogadores, lutemos por uma Assembleia constituinte Livre e Soberana, que atenda de fato os interesses de todos trabalhadores.




Tópicos relacionados

bolsonarismo   /    Coronavírus   /    Jair Bolsonaro   /    Congresso   /    Política

Comentários

Comentar