×

ATAQUE BOLSONARISTA | Delegada bolsonarista pede investigação de vereadora agredida pela PM por ’abuso de autoridade’

A vereadora Liana Cirne do PT, foi agredida pela Polícia Militar após manifestação do 29M no Recife.

quinta-feira 3 de junho | Edição do dia

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (2), a delegada bolsonarista Patrícia Domingos, que foi candidata à prefeitura de Recife com o apoio de Bolsonaro nas últimas eleições, pediu ao Ministério Público de Pernambuco e a Câmara de Vereadores de Recife que investigue a vereadora Liana Cirne (PT) por abuso de autoridade e quebra de decoro durante as manifestações do 29M.

Pode te interessar: Secretários do governo do PSB/PCdoB monitoravam câmeras no momento da repressão em Recife

A bolsonarista alega que Liana desobedeceu aos decretos estaduais que impedem aglomerações no estado. A vereadora foi agredida pela Polícia Militar de Paulo Câmara(PSB) com spray de pimenta diretamente no rosto enquanto tentava conversar com os PM que reprimiam a manifestação.

A ação policial contra as manifestações pacificas do último dia 29 na capital pernambucana, que teve mais de 3 mil manifestantes contra Bolsonaro, deixou dois manifestantes cegos após tiros de bala de borracha.

Veja também: As ruas podem derrubar Bolsonaro?




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias