Sociedade

COLAPSO NA SAÚDE

Com 1.299 mortos, SP registra nas últimas 24h a segunda pior marca desde o início da pandemia

O Estado de São Paulo registrou nesta quinta-feira (8), 21.004 novas contaminações pela covid-19, um aumento do total de casos de 0,82% nas últimas 24h, e 1.299 novas mortes, alta de 1,64%.

quinta-feira 8 de abril| Edição do dia

Foto: Reproduçao/SindMed

O Estado de São Paulo registrou nesta quinta-feira (8), 21.004 novas contaminações pela covid-19, um aumento do total de casos de 0,82% nas últimas 24h, e 1.299 novas mortes, alta de 1,64%. No acumulado de toda a pandemia de coronavírus, o total de casos registrados é de 2.597.366 enquanto os óbitos pela doença somam 80.742.

O número de mortes por covid-19 desta quinta-feira é a segunda pior marca desde o início da pandemia, atrás apenas de 1.389 óbitos registrados na terça-feira, 6. São Paulo também registrou a média móvel de 715 mortes nos últimos sete dias. O recorde ocorreu em 1º de abril, com 890, mas ainda não dá para dizer se o Estado já passou pelo pico da curva de óbitos.

Segundo dados compilados desta quinta-feira, São Paulo registra índice de isolamento de 44% no Estado e de 42% na capital, abaixo da meta do governo de 50%. A taxa de ocupação dos leitos de UTI é de 86,6% no Estado e de 88% na Região Metropolitana.

De acordo com dados da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), o Estado registra queda semanal - comparativo entre os sete últimos dias e os sete anteriores - de 9,3% em novos casos e de 12,8% em novas internações. Novos óbitos regridem 16,6%. Na Região Metropolitana, novos casos regridem 6,2%, novos óbitos, 13,5% e novas internações regrediram 15,1%.

Informações: Agência Estado




Tópicos relacionados

BolsoDória   /    Colapso da saúde   /    Bolsonaro   /    Crise do Coronavírus   /    Crise na Saúde   /    Coronavírus   /    João Doria   /    Sociedade   /    São Paulo

Comentários

Comentar