Sociedade

AUTORITARISMO

ABSURDO: polícia detém homem contrário à manifestação bolsonarista em seu apartamento

Sem mandato de prisão, um homem foi levado detido por se posicionar contra manifestações bolsonaristas da sacada do seu apartamento em Belo Horizonte. A polícia o acusa de ter arremessado ovos nos apoiadores de Bolsonaro.

sábado 1º de maio| Edição do dia

Foto: Túlio Santos/EM/D.A Press

Durante a manifestação bolsonarista hoje em Belo Horizonte, um morador que, da sua sacada, criticava a marcha fúnebre verde e amarela, foi detido sem mandato de prisão. A polícia alega flagrante, porque testemunhas dizem que ele arremessou ovos contra os manifestantes.

De forma extremamente autoritária, policiais e manifestantes foram até o apartamento do suposto suspeito, tocaram a campainha e realizaram a detenção. Dentre os que estavam na manifestação e foram até o apartamento do anti-bolsonarista estava também o deputado Bartô, do mesmo partido do governador Romeu Zema (NOVO).

A manifestação bolsonarista no dia internacional dos trabalhadores reinvindicou ditadura militar, dentre outros absurdos, e foi acompanhada por panelaços desde as casas e apartamentos contrários ao presidente.

Veja também:




Tópicos relacionados

bolsonarismo   /    1 de Maio   /    Sociedade   /    Belo Horizonte

Comentários

Comentar