www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Miércoles 28 de Octubre de 2020
14:53 hs.

Twitter Faceboock
PORTO ALEGRE
Valéria Muller: "Todo apoio à luta das trabalhadoras do IMESF contra os ataques de Marchezan"
Redação
Ver online

Valéria Muller, candidata do MRT por filiação democrática no PSOL nos declarou sobre a luta dos trabalhadores do IMESF contra as demissões e os planos privatistas de Marchezan:

"Os trabalhadores do IMESF, mediante muita luta, conseguiram impor uma vitória parcial que foi a suspensão das demissões por 90 dias pelo TRT. O setor está sendo atacado há mais de um ano pelo STF e pelo governo Marchezan e foram absurdamente colocados de aviso prévio, para serem demitidos em meio à pandemia, precarizando ainda mais a vida dos trabalhadores da saúde e da população que cada vez mais tem seu acesso à saúde básica cerceado. Uma conquista muito importante, que mediante a corajosa resistência dos trabalhadores da saúde de Porto Alegre, que realizaram uma greve de 3 dias, desde o dia 14, e conseguiram essa vitória contra os avisos prévios, porém, não podemos esquecer que as demissões estão apenas suspensas, e não podemos ter nenhuma confiança nesse judiciário golpista que já aprovou inúmeros ataques contra os trabalhadores, é preciso reconhecer essa vitória da classe como um ponto de apoio para seguir na resistência e exigir que todos os trabalhadores do IMESF sejam efetivados sem necessidade de concurso, pois todos os profissionais já provaram por vias práticas que estão aptos a ocuparem os postos, o que passa por fora da demagogia de Marchezan, que diz que todos os funcionários terão oportunidade de retornar, mas mediante um concurso.

Precisamos nos solidarizar, também, com a luta dos trabalhadores do IMESF que lutam contra os ataques de ambos os setores da política burguesa, tanto o judiciário quanto o próprio governo Marchezan, que tentam levar, cada vez mais, a saúde pública ao sucateamento e a sua consequente privatização. Não podemos aceitar tamanho ataque á saúde de Porto Alegre, principalmente, durante uma pandemia que assola a população que tem mortes diárias por conta do Covid. É um absurdo a atuação do STF em atacar diretamente a saúde pública da cidade em uma momento tão calamitoso e igualmente absurdo o governo Marchezan se aproveitar de tal ataque para levar adiante o seu projeto com seus próprios ataques. Portanto, mesmo diante da suspensão, não podemos ter confiança no judiciário, que foi justamente quem iniciou os ataques. Somente a resistência dos trabalhadores do IMESF, da saúde e do povo de conjunto pode barrar esses ataques e exigir: PELA EFETIVAÇÃO DE TODAS E TODOS OS TRABALHADORES DO IMESF, SEM NECESSIDADE DE UM NOVO CONCURSO!"

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui