www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Miércoles 20 de Noviembre de 2019
09:02 hs.

Twitter Faceboock
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Metrô-SP faz propaganda enganosa da Reforma da Previdência após punir metroviários contrários
Redação

João Doria, governador de SP, junto ao presidente Bolsonaro, quer tentar enganar a população paulista com suas falaciosas propagandas quando a realidade é que querem fazer com que os trabalhadores do país trabalhem até morrer para seguir gerando lucro aos empresários e banqueiros.

Ver online

Propagandas totalmente falsas sobre a reforma da previdência estão ocupando painéis publicitários no Metrô de SP. Diz que vai acabar com privilégios, quando na realidade a reforma da previdência nada mais é do que um roubo contra os mais pobres do país.

No mesmo Metrô de SP, há um mês, a empresa puniu os metroviários por usarem os coletes vermelhos contra esta mesma reforma sua campanha salarial. Punições que foram revertidas devido a organização da categoria, que manteve o uso do colete apesar das punições, e ganhou um enorme apoio popular. Agora o Metrô de SP vende espaços publicitários para o governo Bolsonaro fazer suas propagandas enganosas sobre a previdência nas estações, enquanto segue sua escalada repressiva punindo e demitindo funcionários, como o caso da demissão de Valtinho, funcionário da manutenção e a punição com advertência de toda bancada de trabalhadores da Linha 2 Verde na Cipa.

Dinheiro do povo, sendo usado para enganar o povo, mostrando que o governo de SP e a direção do Metrô, estão comprometidos com essa reforma e farão de tudo para reprimir os metroviários e garantir todo espaço para Bolsonaro mentir e tentar acabar com a aposentadoria do trabalhador.

As grandes mobilizações dos professores e estudantes do dia 15/05 mostraram a força que há na unidade entre a juventude e os trabalhadores em todo país, assim como o último dia 30, apesar da passividade das grandes centrais sindicais, que já deveriam ter convocado uma paralisação nacional junto das mobilizações. Mesmo assim as ruas mostraram a energia que existe nas bases para lutar, levando mais de 1 milhão de pessoas para as manifestações em todo país.

Em resposta às massivas mobilizações, Bolsonaro, então, convocou atos em defesa do governo no dia 26/05, com alguns milhares de pessoas pelo país, abrindo uma possibilidade de manobra para o governo. Foi isso que vimos na última semana, um pacto entre Tofolli, Rodrigo Maia e Bolsonaro, para tentar uma costura institucional e aprovar a reforma da previdência. As manifestações do dia 30/05 mostrando mais uma vez que existe disposição de luta nas bases para fazermos uma greve geral com milhares de assembleias de base e a participação ativa dos trabalhadores.

Por isso é preciso que os metroviários lotem a assembléia dessa quinta feira dia 6, dando um recado à Doria que quer fazer com que a população de SP engula suas falaciosas propagandas. Não podemos deixar que essas direções sindicais, que adiaram até agora a greve geral, para negociar seus interesses próprios, consigam impor sua estratégia em nossa luta. Eles querem uma greve de pijama, para que o trabalhador fique em casa e não tome a luta em suas mãos. Uma greve que segue o script que as direções sindicais querem, não será capaz de derrotar a reforma totalmente, mas aumentará o poder de barganha da burocracia sindical frente ao congresso e o governo.

Tomar a greve geral em nossas mãos é a unica alternativa para derrotarmos a reforma da previdência e retomar os sindicatos para os trabalhadores. A base tem que estar ativa nessa greve, com organismos de democracia direta em todos os locais de trabalho. Por isso chamamos todos os metroviários para lotar a quadra em nossa assembléia, sendo sujeitos ativos da luta, para que possamos ser vitoriosos e barrarmos o projeto de retirada de direitos e privatizações que Bolsonaro e Doria querem impor a todos nós.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui