www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Jueves 12 de Diciembre de 2019
01:30 hs.

Twitter Faceboock
METRÔ SP
Metroviários de SP indicam greve contra retirada de direitos e Reforma da Previdência
Redação

Em assembleia na última quinta-feira, 25, os metroviários de São Paulo aprovaram indicativo de greve para terça-feira, 30 de abril, contra a retirada de direitos de Dória e a Reforma da Previdência de Bolsonaro.

Ver online

Os metroviários estão se mobilizando contra a retirada de direitos que João Dória quer impor aplicando a reforma trabalhista e contra a reforma da previdência de Bolsonaro que quer fazer com que trabalhemos até morrer, favorecendo os bancos e grandes empresários, que devem mais de R$ 450 bilhões para a previdência. Eles, junto com os patrões, querem que os trabalhadores paguem o custo da crise que eles criaram, enquanto mantém os lucros e privilégios da casta empresarial e política. Na próxima segunda, 29, haverá outra assembleia para discutir a greve.

Além de votar o indicativo de greve para o dia 30, os trabalhadores do metrô também aprovaram na assembleia uma exigência às centrais sindicais, para que marquem a data de uma paralisação nacional e construam desde a base, para que essa mobilização não seja isolada. Os sindicatos não vêm impulsionando assembleias para que os trabalhadores se organizem contra os ataques do governo, e sim estão tentando negociar um acordo com Rodrigo Maia no congresso. Esse não é o caminho. O caminho é a construção de fortes assembleias em cada local de trabalho, junto com uma forte ligação com a população, que veio demonstrando solidariedade e apoio à campanha dos coletes vermelhos dos metroviários contra a Reforma da Previdência.

Essa aliança com a população é fundamental para não permitir que os ataques sejam aplicados. O apoio massivo que se expressou deixou Doria e o Metrô na defensiva que, agora, quer coibir os metroviários, ameaçando aplicar punições pelo uso dos coletes vermelhos.

Por isso, é ainda mais necessário que apoiemos essa iniciativa dos metroviários, para que a mobilização siga e se fortaleça ainda mais contra os ataques dos governos, a retirada de direitos de Dória e a reforma da previdência de Bolsonaro. O Esquerda Diário chama a todos que apoiem o colete dos metroviários, cobrindo-os de solidariedade. Mande sua foto de apoio com os dizeres "Eu apoio o colete dos metroviários contra a reforma da previdência" para esquerdadiario@gmail.com ou deixe sua foto ou mensagem de apoio nos comentarios do Facebook.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui