www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Lunes 21 de Mayo de 2018
15:46 hs.

Twitter Faceboock
Bolsonaro faz vídeo esbravejando contra recebimento do auxílio-moradia e posse de vários imóveis
Rita Frau Cardia, professora do Colégio Pedro II
Rio de Janeiro | @RitaFrau17
Ver online

Jair Bolsonaro, na noite passada divulgou nas redes sociais um vídeo de 11 minutos em que tenta justificar o injustificável sobre o patrimônio exorbitante que acumula junto com seus filhos. Esbravejando e se auto denominando como um político outsider que não faz parte do esquema de corrupção do congresso brasileiro, chega a dizer que adquiriu seus apartamentos na Barra da Tijuca e em Brasília em tempos que não eram valorizados, e justifica o ganho do auxílio moradia mesmo tendo um imóvel em Brasília.

Bolsonaro diz que a denúncia feita pela Folha sobre o auxílio-moradia, foi realizada com o interesse no poder, pois o que está em jogo “é quem vai sentar na cadeira” da presidência. Com muita demagogia e querendo passar a imagem de ser um político diferente, chega a dizer que preferem o PSDB e o PT do que ele, como se ele fosse o salvador da corrupção e uma ameaça para os políticos.

Jair Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro recebiam R$ 6.167 por mês de auxílio, pagos pelos impostos dos trabalhadores. O auxílio-moradia que Bolsonaro recebe desde 1995 e Eduardo Bolsonaro desde 2015 somados, é equivalente à 765 salários mínimos do governo Temer, ou o mesmo pago por 58 anos de trabalho (incluindo o décimo terceiro) recebendo este salário. Isso ao mesmo tempo que foram adquirindo vários imóveis no Rio de Janeiro.

Em tom raivoso no vídeo, justifica esse escândalo dizendo que tem um apartamento em Brasília de “aproximadamente 60m quadrados”. E em tom de deboche questiona o que ele deveria fazer: “Vender o apartamento de Brasília e comprar outro no Rio de Janeiro? E morar num apartamento mansão da Câmara de 200m quadrados, com alguns com hidro-massagem, com tudo (...)”.

Querendo parecer o político incorruptível que ainda está fazendo o correto em não gastar dinheiro da União com moradias com alto valor de IPTU e custo, e por isso é justificável manter seu “humilde” apartamento em Brasília e ainda ganhar auxílio-moradia.

Segundo informação divulgada pela Folha, Bolsonaro não adquiriu seus dois apartamentos em condomínio fechado na Barra da Tijuca há 40 anos como diz no vídeo para justificar que não tinha o valor de hoje, mas sim foram adquiridos há 9 anos. Além disso, Bolsonaro confirma o patrimônio dele e de seus filhos no valor de 13 milhões.

Ele discursa enfaticamente dizendo que não desistirá dos seus propósitos que são “o Brasil acima de tudo” e “Deus acima de todos”, e diz que só em duas situações este ano ele não estaria no debate presidencial, que seria se tirarem ele em “algum processo na covardia” ou se “matarem, arranjando outro Celso Daniel”.

Bolsonaro é um demagogo reacionário, racista, misógino e lgbtfóbico que tenta se colocar acima do bem e do mal, incorruptível, que vai limpar toda a sujeira mas não toca nos privilégios dos políticos corruptos e ainda reivindica a herança da ditadura militar que viveu de privilégios e mortes e torturas de trabalhadores e militantes, e ao contrário do que seus defensores falam teve vários escandalos de corrupção, abafados com censura e tortura. A única saída para a corrupção e para acabar com os privilégios dos políticos é impor que todos os políticos tenham seus mandatos revogáveis à qualquer momento, e que recebam o salário de uma professora, além da taxação das fortunas que são fruto do roubo da população.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
Subscreva-se com uma mensagem de Whatsapp por seu celular
+55 (11) 9630-2530
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui