www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Miércoles 26 de Julio de 2017
01:39 hs.

Twitter Faceboock
PARALISAÇÃO 28A
5 motivos para os metroviários paralisarem no 28A
Movimento Nossa Classe
Ver online

1) O governo golpista de Temer está mostrando para o que veio: intensos ataques contra nossos direitos previdenciários e trabalhistas, e que agora se materializam principalmente com a aprovação da terceirização, dando carta branca para os governos terceirizarem tudo, pois querem seguir mantendo os lucros dos bancos, grandes empresários, a propina que rola solta dos políticos, e por isso querem jogar a crise que o país atravessa nas nossas costas, com aumento do desemprego e precarização da vida dos trabalhadores e juventude, principalmente das mulheres (as negras ainda mais). Não podemos aceitar pagar com nosso suor uma crise que não criamos: que os capitalistas paguem pela crise!

2) Nessa conjuntura de ataques, Alckmin e a direção do Metrô se sentem fortalecidos para avançar no plano estratégico de privatização do Metrô de SP. Estão planejando um grande ataque que é a terceirização de todas as bilheterias, começando pela Linha 5 e se estendendo para as demais, abrindo caminho de vez para a precarização do trabalho e privatização do transporte público. Sabemos como já se encontram as condições de trabalho, com falta de funcionários, aumento cotidiano das falhas nos trens, superlotação, além da privatização das Linhas 5 e Monotrilho. Não podemos permitir a privatização das bilheterias!

3) O último 15M foi um dia histórico para a luta dos trabalhadores do Metrô. Depois de 10 anos sem fazer greve por alguma demanda que ultrapassasse nossas demandas sindicais (como aumento salarial, PR, etc), os metroviários paralisaram por 24h junto à outros milhares de trabalhadores pelo direito à aposentadoria de todos os trabalhadores e contra a retirada de direitos, e com isso conquistaram um apoio fundamental e importantíssimo da população. O 15M fez Temer recuar parcialmente na proposta de Reforma da Previdência e sem os metroviários, o dia 15 não teria tido o mesmo impacto. Neste dia se concretizou, e mostrou à Temer, Alckmin e Dória que não deixaremos que retirem nossos direitos assim facilmente, e que haverá resistência, mas podemos ir por mais até barrar todos estes ataques!

4) O 15M também mostrou que centrais como a CUT e CTB não querem vencer as reformas nem Temer, querem sim construir a candidatura de Lula para que o PT aplique os ataques a sua maneira. Como também escancarou o objetivo de centrais golpistas como a Força Sindical de Paulinho só interessadas na grana oriunda do imposto sindical pago pelos trabalhadores. Por isso, é necessário que tomemos esta luta em nossas mãos, sem nenhuma confiança nas centrais sindicais que irão nos trair - como mostram as recentes noticias da propina que receberam para acabar com a greve dos trabalhadores- e construamos em nossos locais de trabalho a partir de reuniões de base, setoriais, assembleias massivas uma greve geral já para barrar os ataques que estão sendo deferidos contra nós metroviários e trabalhadores.

5) A participação no dia 28A fortalece a nossa campanha salarial que se avizinha, juntando forças para lutar pelo aumento salarial, mas também contra a terceirização da bilheteria e por demandas como a equiparação salarial. O 15M deixou o Metrô na defensiva, espantou o fantasma de 2014, e fortaleceu a categoria. Exemplo disso foi o cancelamento do treinamento de SSEs, mesmo com a empresa chamando a PM para reprimir, os operadores de trem da Linha 1 - Azul se negaram a conduzir os supervisores da segurança. A única forma de vencermos Alckmin e o Metrô é se vinculamos nossas lutas com a luta contra os ataques do governo Temer e conquistarmos uma aliança com a população!

- Participe da manifestação no Pátio Jabaquara, dia 26/04, às 17h! Os metroviários sairão do Pátio até a estação Jabaquara para falar com a população sobre o 28A.
- Todos à assembleia dia 27/04 na quadra do sindicato!

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
Subscreva-se com uma mensagem de Whatsapp por seu celular
+55 (11) 9630-2530
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui