MRT

ENCONTRO

Trabalhadores da USP convidam para Encontro para discutir a greve geral

quinta-feira 6 de abril de 2017| Edição do dia

Trabalhadores da USP, do restaurante universitário, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas e da Faculdade de Educação fizeram vídeos chamando o Encontro de trabalhadores e jovens para construir a greve geral já contra as reformas, Temer e os capitalistas. O Encontro é uma iniciativa do Movimento Revolucionário de Trabalhadores que impulsiona o Esquerda Diário, junto com o Movimento Nossa Classe, o grupo de Mulheres Pão e Rosas, Professores pela Base e a juventude Faísca - Anticapitalista e Revolucionária.

Diana Assunção é trabalhadora da Faculdade de educação da USP e reforçou a importância do encontro para discutir como os trabalhadores precisam tomar em suas próprias mãos a luta contra os ataques do governo golpista, sem confiar nas burocracias sindicais que vieram fazendo corpo mole para organizar um plano de luta real:

Bruno Gilga é trabalhador da FFLCH e representante dos trabalhadores da USP no Conselho Universitário, em seu convite, destacou a dureza dos ataques e a necessidade de construir uma greve geral a partir da organização dos trabalhadores através de assembleias de base democráticas que podem organizar a força capaz de derrotar o governo:

No vídeo feito por trabalhadoras do restaurante universitário ficou destacada a importância da unidade entre os trabalhadores, a juventude, mulheres, [email protected] e LGBts para derrotar o governo Temer com a mobilização:




Tópicos relacionados

Esquerda Diário   /    MRT   /    São Paulo (capital)   /    Gênero e sexualidade   /    Juventude   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar