SOCIALISMO / MOVIMENTOS SOCIAIS / MOVIMENTO SINDICAL/ REVOLUÇÃO

“Socialismo real” e poder popular: por que o desencontro histórico? [vídeo 27 m]

Gilson Dantas

Brasília

sexta-feira 3 de julho| Edição do dia

Anualmente, a UnB – através da liderança do prof Perci Coelho – organiza um debate aberto, integrando comunidade, movimentos sociais e Universidade que tem feito história na nossa Universidade. Trata-se do Quintas Urbanas, que em 2019 tomou como tema Crise neoliberal, autoritarismo e potência popular
.
O debate de 2019 do Quintas Urbanas teve como um tema central a questão da potência ou poder popular, e seu debate de encerramento foi realizado no campus da UnB/Ceilândia no final do ano passado. Contou com a presença de lideranças dos movimentos populares, do PT e de setores da vanguarda e de juventude no auditório principal daquele campus.

Na mesa de encerramento, nos tocou desenvolver – ao lado de outros oradores dos movimentos sociais, sindicatos e um economista – o tema do poder popular e sujeito coletivo.

Abaixo está postado o áudio daquela palestra onde uma questão chave por nós pautada teve a ver com a realidade do século XX de revoluções [à exceção da Revolução Russa de Lênin e Trotski] terem se desenvolvido sem democracia de massas, da massa trabalhadora, isto é a organização de um Estado fundado na gestão da classe trabalhadora [o chamado “socialismo sem povo” ou “socialismo real”].

Qual a importância do chamado poder popular – na realidade um poder hegemonizado pela classe trabalhadora – para uma saída socialista à barbárie capitalista que nos ameaça?

O áudio da aula, de 26 minutos, a quem possa interessar, encontra-se disponível a seguir:




Tópicos relacionados

Socialismo   /    Movimentos Sociais   /    Marxismo

Comentários

Comentar