Política

IMPUNIDADE

Reunião de amigos: Fux julgará Cabral

Crise econômica no Rio de Janeiro, parcelamento do 13º dos trabalhadores e os políticos com seus altos privilégios continuam impunes, com a Lava Jato agindo enquanto agente do golpe.

quinta-feira 22 de dezembro de 2016| Edição do dia

O pedido de habeas corpus feito pela defesa de José Orlando Rabelo no STF foi enviado ao ministro Luiz Fux. Luiz Fux é ministro do STF e já foi advogado da Shell Brasil, mostrando nitidamente suas ligações com o imperialismo assim Sérgio Moro.

O ministro do STF julgará o caso de Cabral e de seus amigos, como Rabelo, envolvidos na operação Calicute, e apontado enquanto um dos operadores da propinolândia enquanto Cabral era governador.

Enquanto a crise persiste no Rio de Janeiro, com duros ataques aos trabalhadores e o avanço da direita com a eleição de Crivella para prefeito, os políticos tradicionais mais uma vez estão sendo julgados pelos seus antigos amigos e colaboradores. Nenhuma confiança na Lava Jato e no judiciário, que a população puna os políticos corruptos, e não os próprios corruptos em uma troca de peões.




Tópicos relacionados

"Partido Judiciário"   /    Operação Lava Jato   /    Corrupção   /    Política

Comentários

Comentar