Mundo Operário

SAÚDE NO RIO DE JANEIRO

Profissionais da Saúde fazem ato contra demissão em massa que Crivella quer impor

Trabalhadores e usuários da saúde saíram às ruas em direção ao Palácio da cidade, na tarde de ontem (14/01), contra a absurda demissão em massa que o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella quer determinar.

sábado 15 de fevereiro| Edição do dia

Essas demissões fazem parte de uma série de ataques que este governo vem implementando, como a falta de medicamentos, de equipamentos e etc, e agora a ausência de profissionais nas unidades. Isso só mostra o quanto a precarização irá afetar a vida de quem realmente precisa do serviço, que são em sua maioria negros e negras e os mais pobres.

Todavia, durante esta semana, nós do Esquerda Diário, vinhemos denunciando os tamanhos ataques aos trabalhadores do SUS (sistema único de saúde), como os atrasos de salários e as demissões dos trabalhadores da saúde bucal, nutrição, farmácia, ASs, e demais áreas e estivemos junto aos trabalhadores e os usuários que necessitam do atendimento nas clínicas da família, UPAs, postos de saúde.

Contra as demissões dos trabalhadores! Basta de precarização na saúde!

Leia Mais: Trabalhadores da saúde bucal denunciam Crivella por demissões no atendimento às famílias

Leia Mais: Crivella demite funcionários das farmácias populares e de programas de atenção básica->http://esquerdadiario.com.br/Crivella-demite-funcionarios-das-farmacias-populares-e-de-programas-de-atencao-basica]




Tópicos relacionados

Greve na saúde do Rio   /    Marcelo Crivella   /    Crise no Rio de Janeiro   /    Saúde   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar