Educação

PIRITUBA

Pirituba contra as reformas do governo Temer

Aconteceu nesta quinta, 30, às 10h, caminhada por avenidas do bairro de Pirituba promovida por professores municipais e estaduais apoiados pelo Sinpeem - Sindicato dos Profissionais da Educação do Município de SP.

sexta-feira 31 de março| Edição do dia

Os educadores, preocupados em esclarecer a população sobre os ataques promovidos pelo governo Temer que afetarão a vida de todos os funcionários públicos, empregados de empresas privadas, autônomos, pequenos comerciantes, aposentados e pensionistas.

A população tem sido enganada pela grande mídia, que não mostra de forma clara as tais "reformas" as quais representam verdadeira aniquilação da microeconomia e das relações trabalhistas regulamentadas.

A população foi bastante receptiva e muitas pessoas pediam orientação para os manifestantes.

O ato saiu da EMEF Monteiro Lobato na Avenida Paula Ferreira, percorreu o comércio da Avenida Benedito de Andrade e encerrou-se na Avenida Edgar Facó. A caminhada reuniu diversos cidadãos apoiando a luta contra a reforma da previdência e a terceirização irrestrita e contou com os educadores em greve das escolas da região: EMEFs Mario Kosel Filho, Imperatriz Leopoldina, CEU Vila Atlântica, Guiomar Cabral e Gabriel Prestes.

Hoje, dia 31/3/2017, às 16h todos os trabalhadores estão convidados para mais um grande ato para mostrar ao governo que não aceitaremos o desmonte trabalhista.

Povo na rua!




Tópicos relacionados

Reforma da Previdência   /    Greve professores SP   /    Educação   /    Professores   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar