Política

FORA TEMER

Milhares tomas as ruas de São Paulo pelo Fora Temer

A manifestação foi convocada pelas redes sociais, reuniu em sua maioria jovens, mulheres e LGBT, que foram da Av. Paulista até a ocupação da FUNARTE prestar solidariedade

terça-feira 17 de maio de 2016| Edição do dia

Foto: Eduardo Figueiredo / Mídia NINJA

Convocado com o eixo de Fora Temer, a manifestação reuniu milhares, em sua maioria jovens, mulheres e LGBT.

O ato se concentrou no MASP, na Av. Paulista e marchou até a ocupação da FUNARTE, onde ativistas da arte ocuparam em protesto contra a extinção do Ministério da Cultura e os outros ataques que estão acontecendo.

Organizadores falaram em 8 mil pessoas. A equipe do Esquerda Diário contabilizou mais de 3 mil. Organizações e entidades ligadas ao PT e ao PCdoB tentaram dar um caráter mais governista ao ato, mas os cantos que mais eram cantados eram "Fora Temer", "Golpistas, fascistas, não passarão", "Vem, vem, vem pra rua vem contra os golpistas", além de diversos cantos feministas e em defesa dos direitos das mulheres.

Na Funarte, os manifestantes se juntaram aos que ocupavam o local, e em assembleia decidiram marcar outro protesto contra o governo Temer para esta quinta-feira (19), às 17h, com concentração no Masp.


Fotos: Clara Cerioni, Jornalistas Livres

Há também outra manifestação marcada para domingo (22), na zona oeste da capital paulista, organizada pela Frente Povo Sem Medo.

O MRT esteve presente com um bloco levantando a política de "Abaixo Temer golpista, por uma Assembléia Constituinte".

Veja o vídeo abaixo onde Thais Oyola, delegada sindical da Caixa Econômica, e Daphnae Helena, metroviária cipista, onde sintetizam a política que o MRT foi batalhar nessa marcha.




Tópicos relacionados

Política

Comentários

Comentar