Educação

EVENTO NA USP

Gênero e sexualidade na antiguidade clássica são tema de semana na Faculdade de Educação USP

Começa nessa segunda (3/07) diversas atividades sobre gênero e sexualidade na antiguidade clássica na Faculdade de Educação da USP, contando com cine-debates, oficina de dança, rodas de conversa com especialistas e apresentações de teatro.

segunda-feira 3 de julho| Edição do dia

Pela primeira vez organizada pelos alunos junto ao Centro Acadêmico Professor Paulo Freire - Gestão A Plenos Pulmões, a semana de estudos dos clássicos deste ano contempla o tema Gênero e Sexualidade na Antiguidade Clássica. O evento ocorre na faculdade há quinze anos, e sempre conta com diversas atividades que buscam discutir elementos importantes da cultura clássica – arte, história, filosofia... – que tanto influenciaram e influenciam até hoje nossa sociedade.

Dessa vez, a ênfase vai para as questões de gênero e de sexualidade durante a antiguidade clássica, o que será abordado a partir de cine-debates, oficina de dança, rodas de conversa com especialistas e apresentações de teatro. A semana começa nesta segunda (dia 3 de julho) e vai até sexta-feira (07 de julho). Confira a programação:

03/07 SEGUNDA-FEIRA

14:00 às 17:30

Cine Debate: Alexandria (Agora)

Filme espanhol lançado em 2009 com direção de Alejandro Amenábar sobre a filósofa Hipátia de Alexandria. Mediação: Professora Dra. Ana Luiza Jesus da Costa
19h30h às 21h30: Oficina: Dança Grega - Grupo Zorbás

Os gregos da antiguidade acreditavam que a dança era uma invenção dos deuses e mais tarde associaram-na com suas cerimônias religiosas e de adoração. Eles acreditavam que os deuses ofereciam esse presente apenas para alguns seletos mortais, que em retribuição ensinavam a dançar seus amigos.

Danças do programa:
Tsiftetéli (adaptação) – Ásia Menor
Ghiatró: médico – Épiro (Noroeste)
Karagouna: grupo étnico (fem.) – Tessalia (Centro norte)
Daliana: nome próprio – Tessalia (Centro norte)
Tsakonikos: o que vem da Tsakónia – Peloponeso (sul)
Sirtós: estilo de dança – ilhas gregas
Podaráki: pezinho - dança da Trácia (Nordeste)
Hassapogrígoro: hassápiko rápido – Ásia Menor
https://www.facebook.com/Grupo-Zorbás-De-Danças-Gregas-113227508824287/
Sala 130 - bloco B

04/07 - TERÇA-FEIRA

14h às 17h – Roda de conversa

Professora Dra. Carlota Boto e Professor Marcos Euzébio - Discussão orientada sobre feminismo em Platão baseada no texto do professor Luca Jean Pittleloud.
Sala 147 - bloco B

20h às 22h – Roda de conversa

Professor Alessandro de Lima Francisco - Discussão orientada sobre feminismo em Platão baseada no texto do professor Luca Jean Pittleloud e sobre as mulheres na Antiguidade e na Idade Média.
Sala 149 - bloco B

07/07 - SEXTA-FEIRA - gramado da FEUSP

17h30 às 19h – Teatro – Nós, Troianas

20h30 às 22h – Teatro – Nós, Troianas

De pé. Endireita o pescoço, mulher. A voz feminina é voz de resistência.
Das ruínas de Troia às vielas escuras de São Paulo, as mulheres falam. Apresentam suas narrativas, seus pesares e suas esperanças.

Partindo da clássica tragédia de Eurípedes, "As Troianas", e tomando como base a adaptação de Jean Paul Sartre, estudantes da FEUSP apresentam uma peça que traz à tona as vozes das mulheres contra a violência e a opressão machista. Maiores detalhes: https://www.facebook.com/events/1855118694809243/?active_tab=about




Tópicos relacionados

FEUSP   /    Mulheres   /    Educação   /    Educação   /    LGBT   /    USP   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar