Política

governo Bolsonaro

Filho de Mourão é promovido para cargo público e triplica seu salário para 36 mil reais

Contra toda a demagogia do recém presidente eleito e seu vice de “combate” à velha política, Hamilton Mourão nomeia filho para cargo que triplicará seu salário.

terça-feira 8 de janeiro| Edição do dia

Foi anunciado na última semana o novo assessor do presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, que fruto do acaso e do uso inadequado de cargos públicos, é o filho do vice presidente da república, Antônio Hamilton Rossel Mourão. Este, que em seu último emprego como assessor do setor do agronegócio bancário recebia um salário de cerca de 12 mil reais, agora receberá o triplo, por volta de 36 mil reais, um aumento considerável.

Sobre o caso, o vice presidente não quis sequer se pronunciar sobre a inusual subida que seu filho deu na carreira.

Com menos de duas semanas do novo governo já se escancaram suas contradições. Bolsonaro e Mourão que durante toda a campanha se colocaram contra a velha forma de governar por meio de alianças e benefícios, já se mostram adeptos dos antigos métodos, nomeando membros da família para cargos de alto escalão.

Isso porque o presidente eleito pelas eleições mais manipuladas da história brasileira não veio para transformar totalmente a forma de se fazer política e muito menos para acabar com a corrupção. Foi eleito pela burguesia com o objetivo de aprovar um plano de ajustes, tendo como centro a reforma da previdência, para fazer com que os trabalhadores trabalhem até morrer em condições precárias sem nenhum direito.




Tópicos relacionados

Militares na política   /    Governo Bolsonaro   /    Hamilton Mourão   /    Bolsonaro   /    Política

Comentários

Comentar