SOLIDARIEDADE INTERNACIONAL

Em meio à paralisação nacional, ato contra a prisão de Gaetan na França

quarta-feira 15 de abril de 2015| Edição do dia

Em meio à paralisação nacional aconteceu um ato no consulado francês em São Paulo contra a prisão e processos a Gaetan e outros ativistas processados naquele país.

Estiveram presentes no consulado daquele país Diana Assunção, diretora do Sindicato de Trabalhadores da USP, junto ao professor Jorge Grespan da mesma universidade e Márcio Barbio, diretor do sindicato dos professores de São Paulo em greve a APEOESP.

A carta entregue por esta delegação continha centenas de assinaturas, entre elas do deputado Marcelo Freixo, da ex-candidata a presidente Luciana Genro, além de dezenas de intelectuais como Emir Sader, Ricardo Antunes, Jorge Luiz Souto Maior, Oswaldo Coggiolla, Lincoln Secco, Sean Purdy, Virginia Fontes, João Adolfo Hansen, entre outros.

Ao mesmo tempo em que acontecia esta ação no consulado, em meio a manifestação dos trabalhadores da USP na paralisação nacional a solidariedade com Gaetan e outros processados na França, também era lembrada. Veja vídeo do diretor do Sindicato dos Trabalhadores da USP, Bruno Gilga.




Tópicos relacionados

Direitos Humanos

Comentários

Comentar