Economia

ELEIÇÕES 2018

Em evento do mercado financeiro, Bolsonaro tenta agradar os capitalistas

quarta-feira 7 de fevereiro| Edição do dia

No evento realizado ontem (06) pelo banco BTG Pactual, foi dada a oportunidade a Bolsonaro de se dirigir para os representantes do mercado financeiro, o deputado carioca foi o único dos candidatos convidado ao evento. O parlamentar até tentou transmitir credibilidade a sua plateia, discursando principalmente sobre economia, assegurou a reforma da previdência e buscou se posicionar como um defensor do livre mercado.

Entretanto, foi confrontado com perguntas sobre seu histórico intervencionista, seu desconhecimento de economia, o crescimento do patrimônio de sua família e governabilidade em caso de eleição.

A medida encontrada pela burguesia -a condenação arbitrária de Lula pelo Judiciário- para dar continuidade ao golpe e sequestrar de forma preventiva os votos do principal candidato, apontado pelas pesquisas, foi uma faca de dois gumes. Se por um lado, rifou de vez a alternativa petista de conciliação de classes, que não se mostrou apta a impor os ajustes na velocidade e na forma pretendida pela burguesia; por outro lado deixou na liderança das pesquisas Bolsonaro, que na verdade não é a opção mais palatável para a burguesia.




Tópicos relacionados

Bolsonaro   /    Economia   /    Política

Comentários

Comentar