Política

JOÃO DÓRIA

Dória anuncia leilão dos parques públicos de São Paulo aos seus amigos empresários

Hoje (27) o Prefeito de São Paulo João Dória (PSDB) lançou o edital de concessão por 35 anos do primeiro “lote” de parques que quer entregar à iniciativa privada.

Diana Assunção

São Paulo | @dianaassuncaoED

terça-feira 27 de fevereiro| Edição do dia

O carro-chefe dessa concessão é o Parque Ibirapuera, o principal parque da cidade que já tem quase 64 anos, conta com uma enorme área verde, museus e diversas atividades esportivas e culturais e é um dos principais pontos de lazer da região. Os outros parques que serão concedidos são em bairros periféricos das zonas norte, sul e leste da capital: Jacintho Alberto, Jardim da Felicidade (ambos em Pirituba), Eucaliptos (Morumbi), Tenente Brigadeiro Faria Lima (Parque Novo Mundo) e Lajeado (Guaianases).

Com a desculpa de que a cidade vai “ganhar” R$ 1,6 bilhão (sendo 70% com desoneração), e que a ideia de conceder em combos ajudará no investimento nos parques periféricos, a prefeitura entrega os espaços de lazer dos paulistanos às empresas privadas, exigindo apenas uma manutenção mínima e continuação de reformas que a própria prefeitura deveria ter feito e autorizando inclusive a locação dos espaços para “incrementar” o lucro da empresa vencedora.

Precisamos nos colocar contra às privatizações de Dória, que quer vender todos os nossos direitos aos empresários. Em defesa do nosso lazer e cultura, nossos parques não estão à venda!




Tópicos relacionados

João Doria   /    Privatização   /    São Paulo (capital)   /    Política

Comentários

Comentar