Gênero e sexualidade

DENUNCIA

Diana Assunção: “Prefake” Doria abre vagas “fake” em creches

Reproduzimos postagem em rede social da editora do Esquerda Diário e ex-candidata a vereadora do MRT pelo PSOL na cidade São Paulo.

sábado 6 de janeiro| Edição do dia

Uma das metas do privatista e enganador prefeito era de zerar o número de crianças não atendidas por creches. Para atingir a meta eleitoral ele está recorrendo a dois expedientes típicos de toda sua administração: privatização e enganação.

A privatização se dá através de parcerias, sem licitação ou chamamento público, com creches privadas financiadas com recursos públicos. O segundo expediente é a enganação. Famílias estão sendo chamadas a matricular seus filhos em creches que ainda estão em construção e que nem por milagre terão as obras terminadas no prazo. Segundo os números oficiais, menores que a realidade, há um déficit de 44 mil vagas nas creches na cidade.

Foi publicada reportagem no site Rede Brasil Atual (http://bit.ly/2Egd78V) e depois reproduzida em outas mídias, até mesmo o G1 da Globo (https://glo.bo/2CXJzgA) para que famílias matriculassem seus filhos na Creche Conveniada “Maria de Lourdes”, aqui no Butantã que ainda terá ao menos 90 dias em obras.

A enganação e a privatização são as armas favoritas de Doria.

Precisamos combate-lo dia a dia e garantir creches públicas para todas crianças, como parte da luta pelo pleno direito à maternidade, garantindo restaurante, creches e lavanderias públicas para acabar com a dupla jornada das mulheres trabalhadoras.




Comentários

Comentar