Educação

PARALISAÇÃO NACIONAL 15M

Colégio Pedro II se concentra para grande ato contra os ataques de Bolsonaro

quarta-feira 15 de maio| Edição do dia

Estudantes, professores, trabalhadores e pais do Colégio Pedro II se preparam para grande manifestação contra os ataques de Bolsonaro. O Colégio foi alvo de um absurdo corte de 37 % no seu orçamento e corre o risco de parar de funcionar, enquanto o governo Bolsonaro destina centenas de milhões para comprar o voto de deputados à favor da reforma da previdência.

Leia aqui: Colégio Pedro II adere totalmente à paralisação e sairá em ato do campus Centro

A concentração se encontrará com estudantes de diversas escolas federais, assim como particulares e públicas, além de universidades como UERJ, UFRJ, UFF, UNIRIO, UFRRJ, UEZO, UENF e inúmeras categorias de trabalhadores que se reunirão na Candelária 15h e marcharão para a Central do Brasil.

Bolsonaro ataca a educação enquanto não quer permitir que nos aposentemos através da reforma da previdência, mãe de todas as reformas e motivo pelo qual a burguesia manipulou estas últimas eleições que elegeram este governo. Mas desde o Esquerda Diário, o Movimento Nossa Classe Educação e a Juventude Faísca, viemos defendendo que nossa unidade pode derrotar a reforma da previdência e os cortes de Bolsonaro.




Tópicos relacionados

15M 2019   /    Colégio Pedro II   /    Educação   /    Rio de Janeiro   /    Política

Comentários

Comentar