Economia

PROTESTOS CONTRA AUMENTO NO DIEESEL

Caminhoneiros paralisam rodovias pelo País contra aumento nos preços do diesel

Na manhã desta segunda-feira, são registrados atos em ao menos sete Estados: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Espírito Santo, Paraná e Rio Grande do Sul. Nos últimos 12 meses, o diesel subiu 15,9% no posto.

segunda-feira 21 de maio| Edição do dia

Foto: Luciney Araújo/ TV Gazeta

Caminhoneiros paralisam algumas rodovias pelo País nesta segunda-feira, 21, em protesto contra o aumento nos preços do diesel. A categoria já havia prometido a paralisação na semana passada se não fossem atendidas uma série de reivindicações apresentadas ao governo federal.

Em razão dos reajustes diários no diesel, os caminhoneiros autônomos dizem estar trabalhando no limite. Nos últimos 12 meses, o diesel subiu 15,9% no posto. O aumento é resultado da nova política de preços da Petrobras, que repassa para os combustíveis a variação da cotação do petróleo no mercado internacional, para cima ou para baixo.

A pauta dos caminhoneiros é pela redução dos tributos que oneram o preço dos combustíveis. Entretanto, são nítidos os efeitos da atual política levada a frente na administração da Petrobrás pelo governo golpista, de maior submissão as determinações da economia mundial, não só com o repasse das variações no mercado internacional, mas também com o desmonte de qualquer projeto de autonomia do país nesse setor estratégico, o que tampouco o PT realizou, porque se manteve submisso ao imperialismo.




Tópicos relacionados

Greve caminhoneiros   /    Economia   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar