MRT

NEGRAS E NEGROS

11/7 Basta de racismo e violência policial: veja os oradores do ato internacional da FT

Será neste sábado, 11 de julho no Youtube, o ato internacional e simultâneo contra o racismo, a violência policial e o capitalismo, com oradores do Brasil, Estados Unidos e França. Contará também com saudações da Grã Bretanha, Alemanha, Chile e Bolívia. Veja quem são os oradores da FT.

terça-feira 7 de julho| Edição do dia

O ato virtual é impulsionado pelas 14 organizações que compõem a rede Internacional de diários La Izquierda Diario, rede impulsionada pela Fração Trotskista (FT) em distintos países contra toda forma de racismo e violência policial, em apoio às lutas da juventude, da classe trabalhadora e de todos os oprimidos que estão combatendo e sofrendo as piores consequências do coronavírus e de um sistema político em absoluta decadência.

Fazemos um chamado especial à todes aqueles que se incendeiam ao ver a fúria negra desatando forças no coração do imperialismo, os EUA, e vibram com a derrubada de cada estátua representante de escravocrata, com cada novo jovem que desperta para entender que o capitalismo é um sistema profunda e enraizadamente racista, que relega aos negros a barbárie de um sistema completamente apodrecido. Queremos debater as perspectivas diante de uma crise mundial e histórica que deve ser enfrentada com um norte internacionalista, que alce os negros e os setores explorados e oprimidos com uma estratégia operária e socialista.

Veja aqui mais sobre os participantes:

Marcello Pablito

Dirigente do MRT, Movimento Revolucionário de Trabalhadores, organização brasileira que impulsiona o Esquerda Diário. Pablito também é fundador da agrupação de negras e negros Quilombo Vermelho, editor do Esquerda Diário, trabalhador do restaurante universitário da Universidade de São Paulo (USP) e membro da Secretaria de Negros e Negras do Sindicato da USP. Pablito é um dos organizadores do livro A Revolução e o Negro, junto com:

Letícia Parks

Também uma das dirigentes do Movimento Revolucionário de Trabalhadores (MRT) no Brasil, dirigente da agrupação de negras e negros Quilombo Vermelho e também uma das organizadoras do livro Revolução e o Negro, junto com Marcello Pablito de Daniel Alfonso. Letícia também é editora do Esquerda Diário. O MRT atua em alguns estados brasileiros, em diversas categorias trabalhistas e no movimento estudantil de diversas universidades em todo o país, batalhando pela unidade entre as categorias diante de um programa de trabalhadores com independência de classe, se enfrentando contra Bolsonaro, o racismo, o trabalho precário e o sistema capitalista em decadência, lutando de forma independente do PT.

Anasse Kassib

Ferroviário do SNCF, de família marroquina imigrante na França. Foi um dos protagonistas da greve dos transportes de Paris contra a Reforma da Previdência de Macron. Membro da Courant Communiste Révolutionnaire, CCR (organização irmã do MRT na França) e editor do Revolution Permanent, da rede internacional de diários La Izquierda Diario. Anasse foi uma das principais figuras durante todo o processo de greve dos transportes do final de 2019 contra a reforma da previdência de Macron, que quis descarregar os custos da crise capitalistas nas costas dos trabalhadores. As greves tiveram importantes adesões em outras categorias trabalhistas e atravessaram todo o Natal e Ano Novo mesmo sem apoio das principais centrais sindicais burocráticas, e conquistaram amplo apoio da população.

Julia Wallace

Julia Wallace é assistente social em Los Angeles. É editora do Left Voice, da rede internacional La Izquierda Diario. Julia também participou ativamente do movimento Black Lives Matter. Julia tem se colocado ativamente na luta contra o racismo e a condição a qual os negros são expostos a viver no capitalismo em degradação. A morte de George Floyd nos EUA despertou milhares de novas mentes agora questionando as intituições policiais e o racismo estrutural em um país que tem um racista e xenófobo como Trump como presidente.

Mike Pappas

Mike Pappas é médico do hospital Monte Sinai de Nova York. Também é editor do Left Voice e trabalha na linha de frente do combate ao coronavírus na cidade mais atingida pela pandemia no mundo. Mike atua demonstrando as condições em que os trabalhadores da saúde estão sendo expostos a trabalhar enquanto também Donald Trump faz poderosos planos de resgate às grandes empresas enquanto a população não tem dinheiro para ter acesso aos planos de saúde privados. Atua na perspectiva de denunciar a situação em que os trabalhadores pobres estão sendo expostos nessa situação.

***

O ato será apresentado pelo Deputado Nacional Nicolás del Caño, da Argentina, e pela Legisladora da cidade de Buenos Aires Myriam Bregman, ambos do Partido dos Trabalhadores Socialistas que pertence compõe a Frente de Esquerda da Argentina (FIT-Unidade).
Duas figuras públicas que, há anos, mostram que seu lado é ao lado dos trabalhadores e do povo pobre e oprimido, referências para os socialistas revolucionários e para organizações de esquerda de diversos lugares do mundo. Ambos atuam no PTS, organização argentina também pertencente a FT.

***

Venha conosco repudiar toda forma de racismo e somar-se à essa onda que atravessa o mundo dizendo basta à violência policial.

Por uma Internacional da Revolução Socialista para que essa crise seja paga pelos capitalistas!

Conecte-se segundo o horário do seu país:
- 15h no Brasil, Argentina e Uruguai.
- 12h na Costa Rica
- 13h no México e no Peru
- 14h nos Estados Unidos (Costa Leste), Chile, Bolívia e Venezuela
- 19h no Reino Unido
- 20h na França, Estado Espanhol, Alemanha e Itália.

O ato será divulgado em toda a rede internacional de diários La Izquierda Diário, exibiremos em nosso canal do Youtube e o link será disponibilizado em nossas redes sociais.

Convidam:
- Estados Unidos: LeftVoice
- França: Courant Communiste Révolutionnaire (CCR) en el NPA (Nouveau Parti Anticapitaliste)
- Estado Espanhol: Corriente Revolucionaria de Trabajadoras y Trabajadores (CRT)
- Alemanha: Revolutionäre Internationalistischen Organisation (RIO)
- Itália: Frazione Internazionalista Rivoluzionaria (FIR)
- Argentina: Partido de los Trabajadores Socialistas (PTS)
- Brasil: Movimento Revolucionário de Trabalhadores (MRT)
- Chile: Partido de Trabajadores Revolucionario (PTR)
- México: Movimiento de Trabajadores Socialistas (MTS)
- Bolívia: Liga Obrera Revolucionaria (LOR-CI)
- Venezuela: Liga de Trabajadores por el Socialismo (LTS)
- Uruguai: Corriente de Trabajadores Socialistas (CTS)
- Peru: Corriente Socialista de las y los Trabajadores (CST)
- Costa Rica: Organización Socialista.
Rede Internacional Esquerda Diário
Fração Trotskista - Quarta Internacional




Tópicos relacionados

#BlackLivesMatter   /    Justiça para George Floyd   /    George Floyd   /    Black Lives Matter   /    Racismo   /    Fração Trotskista (FT-QI)   /    Racismo EUA   /    MRT   /    Estados Unidos   /    [email protected]

Comentários

Comentar